Mensagens

Zomato | Kanpai Japanese Cuisine

Imagem
Lembram-se daquela minha amiga, que só me convida para comer coisas boas? Pois, ela voltou a atacar e eu não resisti. Eu não consigo recusar uma convocação para comer sushi. É mais forte do que eu. Ainda por cima, algo diferente, não-tradicional, de fusão. Bem, lá fomos nós, no dia seis, ao nosso jantar de Natal, como o apelidamos. Decidimos escolher o Festival Kanpai Marina, composto por uma degustação de quatro iguarias de cozinha japonesa, temaki de salmão e queijo creme; um prato variado de peças, sashimi e hot rolls. Sem limite, claro. Confesso que já não tive barriguinha para a sobremesa. Dado que a gulodice, no que toca a este manjar, está sempre no nível máximo. Mas é segredo, não contem a ninguém. Este menu custa 16,90€ por pessoa e não tem as bebidas incluídas. Mas, para os verdadeiros apreciadores, vale cada cêntimo. O aspecto é prazeroso, os sabores são fantásticos, muito distintos e saborosos. E, o mais importante de tudo, os componentes são fresquíssimos. O espaço tem um…
Um toque, perfurante e gentil. Tão breve quanto uma noite de inverno. Tão cúmplice como o sol e a lua. Um som que não necessita de som. Um significado maior que não precisa ser desvendado. Um sentimento ímpar. Um idioma que qualquer alma pretende possuir. A ligação torna-se forte e um turbilhão invade cada centímetro mortal. A magia percorre todos os recantos. Os olhos fecham-se, a temperatura sobe e o momento é selado com magnificência e tons de prata.

Chá Para Dois | Olhar D'Ouro

Imagem
Pois é, se há coisa que adoro é o mundo da fotografia. Então, como não podia deixar de ser, o meu próximo convidado da rubrica Chá Para Dois é o Rui Pires. Conhecem? Não? Apresento-vos a pessoa que está por trás das maravilhosas imagens artísticas do blogue Olhar D'Ouro. Com 44 anos, um empresário de sucesso, sócio-gerente da Óptica De Lamego, pai de duas maravilhosas meninas, de 6 e 12 anos, e casado com uma mulher fantástica. Curiosos para ver reproduções lindíssimas? Contemplem. 

D.: Para ti, chá de... R.: Rooibos.
D.: Qual é o teu blogue? R.: O meu blogue é o famoso Olhar D'Ouro - Photography. O seu nome surgiu-me da inspiração que a área envolvente em que vivo me oferece, o Douro. Desta forma, tento proporcionar um olhar de ouro em imagens desta região, em grande parte. Também Lamego que nela se insere, pela sua imensa monumentalidade, mas também um olhar sobre aqui e ali, um pouco por todo o lado por onde vou passando pelo país e pelo mundo. No fundo, nada demasiado sério, …
Palavras, pequenos pedaços de céu envoltos em mel, ladeados de cordel fino de oiro. Pétalas da mais bela flor, perfeitamente utilizadas quando genuínas. Raiz da voz. Transformação do invisível mais visível. Aquilo que se sente invertido no sólido, elevado ao divino, não a uma mera quimera. A forma mais acessível do inacessível, caminho certo no maior dos labirintos. Desconfundir do facto mais confuso, descomplicar da era mais emaranhada. Raiar do sol que teima em se esconder, anoitecer que teima em se manter. Construção do inconstruível, imaginação do inimaginável. Prevalece o seu poder, quando o mais óbvio é expresso. Afirmações, conversas, linguagens, manifestações, mensagens. Uma simples folha, uma caneta, letras conjugadas, enfim, palavras.
Fixo o meu olhar no escuro. Saracoteio, continuamente, na minha cama. O som do silêncio move-se por entre o abrir de uma porta. Existem coisas que estão sempre a tentar invadir a minha mente. Pensamentos, conjecturas, medos, inquietações. Ai, insonolência.

Projecto Andriana I

Ela precisava, prementemente, mudar alguma coisa na sua vida. Gostava de viver novas emoções, ouvir novas canções, para sentir o constante borboletear na barriga. A ânsia por vivenciar novos sentimentos apertava-lhe o peito. Não perdera aquele jeito, de tudo viver com intensidade. Verdade? Uma noite, marcada pela luz da lua e das estrelas, a rapariga pressentiu um olhar, ligeiramente enternecido, direccionado para si. A sua ânsia só aumentava. Uma voz sussurrava. Que intensidade era aquela? A certeza de que merecia mais e melhor tomou conta dela. A tristeza invade o seu coração. Começa toda aquela palpitação. Sem saber o que fazer, decidiu fitar aquele vulto, escondido na escuridão. O que adviria dali? Nada. Apenas desejos escondidos, sonhos perdidos. Tudo fruto da imaginação. Continuou a caminhar, sem a cabeça levantar. As coisas não podiam continuar assim. Começou a chover. As pingas pela cara a escorrer, uma sensação de leveza se fez sentir. O cheiro da terra molhada banhou cada ce…

Chá Para Dois | As Gavetas Da Minha Casa Encantada

Imagem
Para quem estiver, realmente, atento à rubrica Chá Para Dois, pode dizer: "Andreia? Outra? Então?" Acreditem, é preciso ter muita pontaria. Ou não. A questão é que os meus convites têm sido direccionados para as pessoas que conheço há mais tempo na blogosfera. Daí, a minha próxima entrevistada ser a Andreia Morais, a ilustre proprietária do blogue As Gavetas Da Minha Casa Encantada. Uma menina de 25 anos, desempregada mas apaixonada por orientar a classe infantil. Conhecem? Não? Então, já sabem. Visitem e sigam. Vão perder os assuntos maravilhosos que estão guardados nas divisões deste agradável lar? Duvido.

D.: Para ti, chá de... A.: Menta.
D.: Qual é o teu blogue? A.: O meu blogue é As Gavetas Da Minha Casa Encantada. Chegar a este nome não foi fácil, até porque queria um que não limitasse o conteúdo, mas assim que fiz a comparação com as gavetas tudo ficou mais simples: em casa, temos gavetas específicas para determinadas coisas, que abrimos quando precisamos delas. No fundo…